top of page

Mau hálito: sei como resolver!

Mau hálito, dentes amarelos, dentes desalinhados, por que isso acontece?

Tantas e tantas consultas que começam pelos mesmos motivos: mau hálito, dentes amarelos, dentes tortos ou a gengiva sempre inflamada.

Tratar o problema faz-nos sentir maravilhosos, mas enquanto não resolvermos a causa, o problema nunca irá terminar. 

Mau hálito

Quantas e quantas vezes associado a dentes? Pode ser gengiva também, entretanto, pode não ter relação com a boca.

Tantas e tantas vezes são as halitoses (mau hálito) provocadas por secreções das vias respiratórias ou do estômago. 

Muitos pacientes têm continuas infeções respiratórias ou inflamações que de tão comuns nem se recordam que são assim. O nariz pode nem aparentar obstruído e as secreções lá estão, na região posterior do nariz. Estás secreções formam-se e vão ficando nos seios nasais (sinusite) ou escorrem pela garganta para o estômago, em casos mais graves seguem para os pulmões. 

Durante o sono, estas secreções secam na garganta e o seu cheiro sai pela boca. Em qualquer idade, muitos sãos os pedidos de ajuda que os dentistas recebem.

Dentes amarelos

A cor dos dentes não é apenas saúde, nos dias de hoje é claramente estética e sucesso. A nossa cor cor depende da genética e claro dos nossos bons hábitos e dos nossos maus hábitos. A cor da nossa pele em contraste com os dentes é o que mais destacará a cor. Logo, pensar na cor dos lábios antes de comprar o make-up é fundamental. 

Falando dos hábitos conhecemos os bons e os maus mais comuns, porém depois vou falar do menos abordado. 

Bons hábitos, além da escovagem

Além da boa escova e bom dentífrico temos de optar por bons alimentos. A alimentação ácida desgasta os dentes e torna-se mais fácil qualquer pigmento aderir. 

Ter uma vida saudável com boas escolhas e menos fármacos , pois existem imensos medicamentos que alteram a cor dos dentes após entrarem na corrente sanguínea. 

E dos maus hábitos podemos falar de alimentos e bebidas pigmentantes, contudo se a estrutura do dente for realmente a ideal com consistência e hidratação dificilmente o pigmento vai aderir. Não irei falar do hábito de fumar, pois além dos pulmões, irão escurecer os dentes e a pele. Mas todos já conhecemos a gravidade do problema. 

A pigmentação dos dentes quando é exógena (do exterior) acontece mais nos respiradores orais. Cada vez que abrimos a boca o ar entra e desidrata os dentes e a gengiva, além dos lábios. Desta forma, a superfície do dente torna-se mais frágil e qualquer pigmento irá aderir com maior facilidade. 

Dentes desalinhados

Pode parecer genético ou acaso. Na realidade é a consequência de vários fatores, que unidos transfornam o desenvolvimento da face. A respiração oral é uma das alterações que não favorecem o alinhamento dentário, assim como a mastigação. Quando a boca está aberta ou mesmo entre-aberta os músculos imprimem ligeiras forças que de tão constantes e continuadas transformam ossos e dentes. Estas alterações podem acontecer em qualquer fase da vida quando as funções são alteradas.

Imagine que mastiga apenas de um lado, os músculos deixam de funcionar do outro lado, e assim as estruturas são puxadas para o lado de maior trabalho. Quando as alterações ocorrem nos primeiros anos de vida o problema não é só dentário, mas nos ossos também. Até aos 12 anos os ossos da face crescem 90% do seu tamanho total. Se os estímulos forem os errados não cresce, cresce pouco ou apresenta assimetrias. 

Tantas vezes ouvimos que a saúde começa nos pequenos hábitos e traz beleza. Siga estes pequenos hábitos e a sua saúde oral irá melhorar além do seu sorriso que irá tornar-se bem mais bonito.

9 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page